CINEFÓKIN : Apenas Deus Perdoa

Mesmo sabendo da péssima recepção da crítica e público de “Apenas Deus Perdoa” decidi assistir quando o encontrei passando em um canal aí.

"De tirar o folêgo""Brilhante" ? Brincalhão que escreveu isso!

“De tirar o folêgo””Brilhante” ? Brincalhão quem escreveu isso!

Afinal era um filme do diretor Nicolas Winding Refn estrelado pelo ator Ryan Gosling com a repetição da parceria que resultou em um dos meus filmes recentes favoritos “Drive”.

Não era possível ser tão ruim assim.E realmente não é. É MUITO PIOR!

Achei que era o caso de um filme mal-compreendido, até porque mesmo “Drive” que foi aclamado pela crítica não é lá um filme muito “fácil”. Mas não, não é isso! A única incompreensão aqui é que diabo os caras estavam pensando quando realizaram essa bomba?!

A trama parece simples: Em Bangkok Julian dirige com seu irmão uma academia de boxes tailandês, que serve de fachada para os negócios sujos de uma organizaçào criminoso comandada pela mãe deles. Quando o irmão dele assassina uma prostituta de menor e é morto em seguida pela ação de um policial aposentado conhecido como “Anjo da Vingança”, a mãe de Julian vai até Bangkok para obrigá-lo a vingar a morte do irmão.

.

Simples! Mas no filme ela é apresentada de maneira tão inteligível, que alguns dos detalhes eu só descobri quando pesquisei sobre o filme para esse post. E não é por conta de maluquices visuais ou experimentalismo do diretor.É porque todos os personagens do filme parecem zumbis fumadores de crack.Não estou falando da atuação em si, mas do construção e motivações dos personagens.

O protagonista parece que passa o filme todo com uma sonda injetando morfina na veia tamanha a apatia ( e talvez Gosling tenha usado mesmo para participar do filme) e o tal “Anjo da Vingança” se move e mata e atua como um Jason Voorhees na forma de um tiozão tailândes que parece sacar (do mesmo lugar que o Batema guarda o escudo) uma espada para cortar os braços dos outros, para em seguida ir aliviar o stress em um bar de karaokês.

onlygodforgives1

É um filme “de doente”, mas não do tipo que eu costumo gostar, e um filme bizarro, mal feito, com uma trilha sonora de elevador de um muquifo em Hong-Kong e com uma edição sem pé nem cabeça e arrastada.

E olha que tentei gostar do filme, lutei bravamente para conseguir vê-lo até o fim na esperança que até o final alguma coisa nele fizesse sentido. Vi até alguns trechos dele depois, imaginando que talvez eu na minha burrice não tenha entendido a genialidade do filme.

Mas não! Ele é ruim mesmo, de fazer cair o CÚ do CÚ! Ele pega tudo que tinha de bom em “Drive”e acelera fundo na direção oposta.Pega elementos que apenas pontuavam uma bom filme (a violência exagerada, a economia nos diálogos e o clima de estranheza) e fez um filme merda calcado apenas neles.

Tenho certeza que todo cara que resenhou essa bomba encerrou o texto com a mesma frase que eu vou encerrar, mas honestamente não dá para evitar:

NEM DEUS PERDOA OS RESPONSÁVEIS POR ESSE FILME!

Anúncios
Deixe um comentário

Deixe um comentário abalizado

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

culturainutiloblog.wordpress.com/

Antes do Cultura se tornar um site, estávamos neste blog. Nos encontre em www.siteculturainutil.com.br!

Who Cares Podcast

o podcast que te acompanha por todos os episódios de Doctor Who

novomdm.wordpress.com/

Podcast, HQ, Cinema, Games e Peitinhos

Ciclos, Letras e Quintais...

Por Ana Célia Cruz e Flávio Urra

Sphera Geek

Beta 2.0

Cult para não cults

Desaculturando

postelaria

Textos fresquinhos, mas sem frescura. Rio de Janeiro, Brasil.

Sobre Comédia . com

Um site sobre a comédia

blogdamoato

coletivo de blogueiros

Estroina

Questões filosóficas desnecessárias

GetGlue Brasil

A primeira fonte sobre o GetGlue do Brasil!

howl for love.

post-punk soul from chicago

DANIEL HDR

D r a w i n g b o a r d C h r o n i c l e s

%d blogueiros gostam disto: